RETOMAR O CAMINHO DO CORAÇÃO

RETOMAR O CAMINHO DO CORAÇÃO

23 gennaio 2022

Caros amigos da ADMA,

Antes de tudo, desejamos a todos um 2022 de paz e confiamos este novo ano à Auxiliadora, na esperança de que ela nos ajude a vivê-lo sempre na luz e na alegria que o nascimento de Jesus colocou em nosso coração.

Acabamos de concluir o tempo de Natal, Deus se fez homem e se manifestou ao mundo. Este anúncio mudou para sempre a história da humanidade e, sobretudo, muda o nosso hoje: pede-nos que nos convertamos todos os dias e todos os dias sermos testemunhas do Evangelho, glorificando o Senhor em todos os tempos e em todas as circunstâncias!

Como? Com quais atitudes?

Janeiro é um mês muito especial para toda a Família Salesiana, em primeiro lugar porque recebemos de presente a Estreia do Reitor-Mor, que orienta o nosso caminho e depois porque podemos celebrar algumas festas e assim redescobrir e reviver o nosso ser filhos de Dom Bosco e da Auxiliadora: no dia 24 de janeiro, festa de São Francisco de Sales, de quem celebramos os 400 anos da morte e, depois, no dia 31 de janeiro, a festa de nosso pai São João Bosco.

É precisamente a bela Estreia do Reitor-Mor "fazei tudo por amor, nada por força" que nos mostra o "como" e nos oferece as "atitudes" certas. A Estreia focaliza e relê a espiritualidade de São Francisco de Sales, que é a "fonte do espírito de Dom Bosco" e convida todos nós, da Família Salesiana, a nos comprometermos com um ponto essencial do nosso carisma: retomar o caminho do coração! um coração simples, doce, paciente, devotado. Um coração no qual está escrito um desejo profundo de Deus, mas que Deus criou e deixou livre para corresponder ao seu projeto de amor.

Para nós da ADMA trata-se mais uma vez de seguir os passos de Maria e olhar seu coração. Aprenda com Maria a fazer tudo por amor a Deus e ao próximo, sem restrições e depois redescobrir o sentido da verdadeira devoção, conforme sugere São Francisco: “a verdadeira devoção, Filoteia, pressupõe o amor de Deus, ou, melhor, ela mesma é o mais perfeito amor a Deus. Esse amor chama-se graça, porque adereça a nossa alma e a torna bela aos olhos de Deus. Se nos dá força e vigor para praticar o bem, assume o nome de caridade. E, se nos faz praticar o bem frequente, pronta e cuidadosamente, chama-se devoção e atinge então ao maior grau de perfeição […]. Numa palavra, a devoção não é nada mais do que uma agilidade e vivacidade espiritual, da qual ou a caridade opera em nós, ou nós mesmos, levados pela caridade, operamos todo o bem de que somos capazes.”

A esperança, então, é que em todas as atividades educativas e pastorais em que nos envolvemos, em nossos encontros formativos, nas obras em que nos empenhamos, nossa devoção como membros da ADMA nos ajude a amar mais nossos irmãos e a abandonar-nos mais ao amor de Deus.

Renato Valera, Presidente ADMA Valdocco

Alejandro Guevara, Animador Espiritual ADMA Valdocco